TDC 2020
Belo Horizonte
O encontro de comunidades e empresas no Brasil

Trilha Kanban e Lean Da filosofia do Lean ao pragmatismo do Kanban. Conhecimento e práticas.

O sistema kanban surgiu em meados da década de 1940, e o David J. Anderson potencializou o seu uso através do método Kanban, que vem servindo a diversos propósitos dentro das empresas. Todo esse sucesso se deve especialmente a sua simplicidade.

Manusear post its e criar quadro Kanban nas paredes se tornaram atividades rotineiras em uma grande quantidade de empresas. Mas como podemos ir além, evoluindo e melhorando continuamente nossa equipe e resultados? Como as práticas Lean e o método Kanban pode nos ajudar?


O que os participantes irão encontrar nessa trilha:

- Como dar os primeiros passos com Lean e Kanban?

- Cases de empresas reais (da adoção aos resultados).

- Métricas e gestão de fluxo.


Um momento para imersão e troca de experiências com quem conhece e pratica.

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 Kanban Maturity Model na prática - ML1, ML2, ML3 e além
Marco Mendes

Nessa apresentação iremos apresentar como usar o modelo Kanban Maturity Model para gerar uma agenda de melhorias organizações para o seu time e seu cliente. Iremos mostrar as ações gerenciais e culturais necessárias para você sair do nível de maturidade zero e avançar à maturidades de formação de tribos (Ml1), orientado ao cliente (ML2) e ajustado ao propósito (ML3).

11:10 às 12:00 Fit for Purpose: Avaliando a satisfação do cliente e a qualidade do serviço
Rodrigo Almeida de Oliveira

Como o uso do framework Fit for Purpose pode guiar de forma pragmática e evidenciável a melhoria continua do seu serviço com foco no cliente.

Lean Thinking - Como utilizar o Toyota kata em sua transformação e jornada Ágil
Guilherme Villanova

Já pensou numa ferramenta que ajuda você a fazer um diagnóstico da situação atual de todas as equipes da sua operação, sejam eles da área de IT ou Non-IT? E que além disso mostre o caminho para se converter em times de alta performance sendo este a situação desejada por todos? E como alcançar a sua tão desejada transformação Lean-Agile? Como criar a cultura de melhoria contínua? Como utilizar o Toyota Kata em sua transformação e jornada Ágil? Veja como a poderosa ferramenta ?Toyota Kata? que busca a aprendizagem contínua, pode te ajudar no desafio da jornada ágil e sua transformação lean.

12:00 às 13:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
13:10 às 14:00 Business Agility?! Como, baseados nos princípios do pensamento Lean, buscamos alavancar a geração de impacto e o Kaizen.
Rafael Gomes

Em nosso contexto, cada dia mais complexo, de ?transformação ágil? para o negócio, entender as armadilhas que devemos ter cuidado enquanto agilistas e conhecer, através dessa palestra, uma abordagem baseada nos princípios do Lean Thinking, irá apoiar na construção de uma atuação mais estruturada, com foco na geração de impacto e com entrega de valor para a organização. Sempre, considerando os diversos desafios de mudança, engajamento e mensuração dos resultados.

Como superei a relação abusiva com a estimativa
Lucca Bonifácio Roder

Nós, como pessoas desenvolvedoras, em algum momento da nossa carreira nos deparamos com a palavra "estimativa". Esta palavra pode causar insegurança em muitas pessoas, pois ela pode significar, do lado do cliente ou dos gestores, um contrato que não pode ser quebrado pela equipe de desenvolvimento. Vou trazer discussões que abordam como as estimativas individuais de tarefas são desnecessárias quando o teu processo de desenvolvimento é fluído e que, na maioria das vezes em que a entrega de um projeto atrasa, o erro não é da estimativa. Neste bate papo, pretendo gerar uma troca de experiência em relação ao processo de desenvolvimento de software.

14:10 às 15:00 Lean Thinking: Como escalá-lo na organização com o Hoshin Kanri
Fábio Trierveiler

Promover a cultura Lean em uma organização não é tarefa fácil. Muitas vezes, mesmo realizando treinamentos incessantes e executando várias práticas que propõe a melhoria contínua, não são o suficiente para que todas as camadas se engagem genuinamente em uma transformação Lean. É neste momento que percebemos que o direcionamento desde o CEO até a operação é necessário. Nesta palestra, compartilharei o passo-a-passo de como liderei uma transformação Lean em uma organização de TI com 200 colaboradores, culminando na criação e aplicação do direcionamento estratégico com o Hoshin Kanri.

Lean Development: Elimine os desperdícios no desenvolvimento de software e entregue produtos de valor
Luís Aguirre

Quer desenvolver software com maior qualidade, menor custo e tempo de entrega? Então a solução para o seu problema é a aplicação das disciplinas do Lean Software development. Os pilares dessa abordagem são a produção enxuta, a automação de processos e a melhoria contínua. Por meio do Lean você eliminará os desperdícios, que são todos processos e atividades que não agregam valor para o cliente. Venha nessa sessão e aprenda a identificar esses grupos de desperdício e transformar suas entregas, em entregas de valor.

15:00 às 15:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

15:40 às 16:30 Desafios do uso de Kanban no Serviço Público
Luana Lima

A flexibilidade do Kanban para gestão de projetos é indiscutível. Nada melhor para evidenciar essa característica, do que trazer exemplos do uso de Kanban e outras práticas ágeis no Serviço Público (com as idiossincrasias desse contexto), com suas dificuldades e sucessos.

Coordenando métricas e fluxo utilizando kanban para orientar times em planos de ação
Renata Arruda / Henrique Garcia Campos

A gestão de equipes vem passando por grandes disrupções na busca por resultados rápidos e eficazes.

Aprenda como utilizar o Kanban, metodologia ágil que permite o desenvolvimento de uma gestão que trabalha a descentralização de forma transparente e com foco na constante evolução, oferecendo agilidade em todo o fluxo. Veja como implementar, modelos de fluxo e o impacto na mensuração de resultados.

16:40 às 17:30 Do Scrum ao Kanban: Um sistema e um time em construção
Marina Ferreira / ANDRESSA BRAGA

De um lado uma empresa tradicional de logística em busca de inovação e de entregas rápidas, e do outro, um time rodando agilidade "raíz" pela primeira vez. Como criar uma cultura ágil neste contexto? Como explicar projeções e Kanban? Vamos compartilhar nossas experiências, aprendizados e desafios em um time inicial de 7 pessoas rondando Scrum. E como nos transformamos em um time de 13 pessoas utilizando o Kanban para suas entregas. Alguns papéis e ritos do Scrum foram mantidos, garantindo a interação do time alocado em 3 cidades diferentes. A transição para o Kanban trouxe angústias, mas também benefícios que nos levou a construção do nosso fluxo de desenvolvimento de entregas contínuas.

Os 3K's - Kaizen, Kaikaku e Kakushin: Saiba a diferença e quando utilizar!
Erasto J M Ortiz

Atualmente, o Lean tem ganho protagonismo na área de tecnologia através das práticas Ágeis. Um dos temas que mais desperta curiosidade é a diferença de alguns dos seus termos. Nesta palestra iremos conhecer um dos pilares fundamentais do Lean Thinking, o Kaizen e a suas variações!

17:40 às 18:30 Produtos digitais exigem (merecem?) suas próprias métricas
Vinicius Andrade

Iremos conversar sobre as quatro metricas definidas no livro Accelerate: frequência de deploys (deployment frequency), taxa de erro da mudanças (change failure rate), tempo médio de recuperação (mean time to recovery), tempo de ciclo (cycle Time). Discutiremos sobre como elas se relacionam com o fluxo de desenvolvimento de produto; como impactam os times e o negócio.

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia, muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Sábado, 7 de Novembro de 2020

10 às 19 h

Actuall Convention Hotel

Rod. Fernão Dias, 3443 - Jardim Riacho das Pedras
Belo Horizonte - MG

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Qualquer pessoa que tenha necessidade de organizar e gerenciar o fluxo de trabalho de um time. Ou que queira melhorar seu conhecimento em Kanban e Lean.


Investimento

presencial:R$ 245,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.
Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Palestrantes da Trilha Kanban e Lean

Erasto J M Ortiz
Erasto J M Ortiz
Lean Insitute Brazil
Marco Mendes
Marco Mendes
http://www.arkhi.com.br
Rafael Gomes
Rafael Gomes
Lojas Renner S.A.
Renata Arruda
Renata Arruda
Seraph Tecnologia

Patrocinadores

Diamond


Gold


Silver


Apoio


Patrocinios e Apoios Trilha e Workshop




Realização

TDC Online