TDC 2019
Porto Alegre
O encontro de comunidades e empresas no Brasil

Trilha JavaScript Always Bet On JavaScript!

JavaScript é uma linguagem multi-paradigma, interpretada (compilada em tempo de execução) e dinamicamente tipada. Essa flexibilidade permite que seja usada de inúmeras formas, sendo ao mesmo tempo uma linguagem fácil de aprender e difícil de dominar.

Com seu ecossistema maduro, comunidade ativa e atualizações regulares, atualmente é a linguagem com maior presença entre diferentes ecosistemas, sendo executável em navegadores, servidores, desktop e mobile. É também a linguagem mais utilizada em projetos open source no GitHub, estando presente no mercado entre uma das linguagens mais procuradas por empresas.

Venha se atualizar e ampliar o seu conhecimento de JavaScript!

Palestras

Importante: A grade de palestras está sujeita a alterações sem prévio aviso.
Conteúdo
08:00 às 09:00 Credenciamento e recepção dos participantes

Todas as pessoas inscritas, palestrantes, coordenadores e de imprensa, devem retirar seus crachás e kit do congressista nos balcões de credenciamento localizados na entrada do evento, para obterem acesso às salas e Auditório Principal.

09:00 às 10:00 Abertura do evento no Auditório Principal

Após o credenciamento, convidamos os participantes a comparecerem ao auditório para receberem as boas vindas por parte dos realizadores e patrocinadores.

Neste keynote de abertura, todos serão orientados sobre o funcionamento do evento, destaques e outras novidades.

10:10 às 11:00 PWA vs Apps Nativos: seria o PWA uma solução para quase tudo?
Anderson Fernandes - Burnes / Mateus Rocha - Chinês

Os progressive web apps estão começando a aparecer. Em pouco tempo, esta tecnologia pode começar a dominar o mercado. Mas será que o PWA é solução para tudo? O que preciso saber para começar a desenvolver utilizando esta tecnologia? Entenda o que são os workers, diferenças entre os apps nativos e por que os PWAs podem ser uma ótima opção para criação de WebApps.

Quebrando a pipeline dos seus amiguinhos com testes de contratos
Raryson Pereira Rost / Vinicius Pretto da Silva

Nesta apresentação vamos demonstrar como testes de contratos podem facilitar a sua vida. Vamos fazer duas aplicações se comunicarem, uma consumidora e outra provedora. Essas aplicações terão testes de contratos entre elas, assim a aplicação consumidora terá a garantia que a aplicação provedora não quebre esse contrato.

Vamos utilizar o Pact.JS, o PactJS é uma ferramenta para testes de contratos que facilita muito a sua vida para trabalhar com o Javascript / Typescript / Node.JS / Deno.

11:10 às 12:00 JavaScript the Tough Parts: Hoisting and Closure
Guilherme Scotti

Todos os dias desenvolvemos ou usamos alguma aplicação que possui JavaScript, mas você sabe a importância da Closure nas funções que você escreve no dia a dia? sabe o que hoisting? ou qual o seu efeito nas declarações de variáveis? Se você não sabe a resposta para essas perguntas, ou tem dúvida sobre alguns dos principais fundamentos do JavaScript, essa palestra poderá te ajudar a entender melhor

O que são Decorators e por que usar? Eles vão salvar a legibilidade do seu código!
Gustavo Oliveira

Existem formas, as vezes gambiarras engenhosas, para fazer o mesmo que Decorators fazem, certo? Certo! Mas quando ES2015 trouxe classes, ficou estranho continuar usando o mesmo método de antes. Como wrap uma classe, ou um membro de uma classe, em outro bloco de código? Bem, não havia uma forma limpa e legal de fazer isso. Vamos entender como Decorators pode nos ajudar!

12:00 às 13:00 Intervalo para Almoço
Uma excelente oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem e trocarem ideias, colaboradores, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.
13:10 às 14:00 Entenda porque o gRPC é uma ótima alternativa ao REST
Daniel Galleni

Descubra a tecnologia por trás do sucesso de empresas como Google, Netflix, Docker e MaxMilhas. Resolva problemas de escala, latência e comunicação entre APIs, aprendendo na prática a fazer streaming, uma alternativa não tão nova assim, mas que se apresenta muito mais robusta que o modelo REST.

Como adestrar Redux
Victória Aiello

Entender como Redux interage com uma aplicação em React pode ser tão complicado quanto adestrar um gato. Iremos juntos entender como isso não só é possível, como te dará um novo olhar para as possibilidades que ele traz. Assim como o adestramento vem através da observação, tentativa e erro, será traçado um caminho parecido com Redux dentro de um projeto, deixando a teoria apenas como confirmação de hipóteses e lidando diretamente com as garras deste incrível paradigma.

14:10 às 15:00 Javascript Funcional com Ramda
Ana Luiza Portello Bastos

Apesar de Javascript ser uma linguagem multi-paradigma ainda assim faltam elementos comuns de linguagens no paradigma funcional além da inerente mutabilidade de dados que possibilitariam tirar vantagem deste estilo. Ramda é uma opção de biblioteca com funções otimizada e imutáveis para lidar com o estilo funcional no Javascript da melhor forma.

MobX: Facilidade e Elegância na Manipulação de Estado
MATHIAS GHENO AZZOLINI

Manipulação de estado é uma parte fundamental do desenvolvimento de aplicações front-end. Dentro do ecossistema dos principais frameworks encontramos algumas soluções para manipulação de estado: como o Redux, Flux, ReduxObservable, NgRx ou até mesmo os manipuladores de estado nativo dos frameworks: setState e useState, por exemplo, para quem desenvolve com o React. Nessa talk será apresentado o MobX, uma biblioteca framework agnostic que possibilita a manipulação de estado da sua aplicação. Os exemplo serão em React.

15:00 às 15:30 Coffee-break e Networking

Durante o intervalo de coffee-break, serão entregues kits contendo suco e biscoitos. Um delicioso intervalo para relaxar, conhecer novas pessoas e estreitar contatos.

Neste tempo, também surge a oportunidade de todas as pessoas no evento interagirem entre sí, participantes das trilhas, empresas patrocinadoras e apoiadoras, palestrantes e coordenadores.

15:40 às 16:30 Programação Funcional e Reativa para Web na Prática
William Grasel

Passado o hype de programação reativa de alguns anos atrás, foi tempo suficiente para esse conceito e suas ferramentas amadurecerem em meio a comunidade. Nessa apresentação veremos técnicas avançadas de programação assíncrona, muito além de callbacks, promises e async/await, para domar todo tipo de fluxo de dados com facilidade, utilizando um pattern muito antigo chamado Observable. Tudo isso em meio a exemplos práticos com novas ferramentas para seu dia a dia!

16:40 às 17:30 Como Aproveitar suas habilidades com HTML, CSS e JavaScript para criar aplicações Desktop Multi-Plataforma
Henrique Schreiner

Você provavelmente já ouviu falar ou até estar usando aplicações como Atom, Slack, Nuclide ou Visual Studio Code. Nesta palestra vamos conhecer a tecnologia usada por trás dessas ferramentas, como começar um projeto e dicas de como construir uma aplicação Desktop com tecnologias Front-end.

Estado global no Vue com Vuex - na prática!
Luiz Henrique dos Anjos

O Vue ganhou força e agora sempre aparece ao lado do Angular e do React. Já podemos usar esse framework em aplicações de grande porte, mas sozinho, o Vue não vai resolver tudo. Um problema de aplicações grandes é o controle de estado global. O Vuex resolve isso. Se você ainda não conhece ou achou complicado de usar, vem comigo ver como usá-lo na prática e quais ganhos ele traz para a aplicação.

17:40 às 18:30 Módulos dinâmicos através de rotas: Uma alternativa de implementação de micro-frontends
André Lins

Um dos grandes objetivos da Softplan é refatorar todo o seu sistema legado em Delphi para uma arquitetura baseada em microsserviços. Considerando o contexto do sistema, a equipe de FrontEnds montou uma arquitetura de módulos condicionais gerenciados através de rotas, utilizando importação dinâmica do bundle e inseridos dentro do projeto através do gerenciamento de versões do NPM. Essa arquitetura traz um conceito de micro-frontends, pensado de uma maneira totalmente diferente, que possibilitou que uma equipe de 15 desenvolvedores trabalhassem de forma totalmente separada integrando tudo a um sistema com uma única visualização.

Clojure para desenvolvedores Javascript
Marco Nicolodi

A comunidade Javascript se aproximou do paradigma funcional. Se você já usou as funções map, filter, reduce, e usou libs como React, Redux, Ramda, Lodash, Immutable, você já está com um pezinho lá. Mas quais as semelhanças do Javascript com uma linguagem puramente funcional? Nessa talk iremos ver o quanto Javascript é parecido com Clojure, uma linguagem funcional, dialeto LISP, que é utilizada por quase 300 microsserviços do Nubank para desburocratizar a vida bancária de mais de 10 milhões de brasileiros.

18:40 às 19:00 Encerramento e Sorteios

No horário de encerramento, todas as trilhas serão direcionadas de suas salas para o Auditório Principal, mesmo local da abertura.

Após a apresentação de resultados do dia, muitos sorteios fecharão o dia.

Data e Local

Sexta-feira, 29 de Novembro de 2019

10 às 19 h

UniRitter

Rua Orfanotrófio, 555
Alto Teresópolis | Porto Alegre - RS

Informações sobre Data e Local


Público Alvo

Desenvolvedores (front-end, back-end, mobile, full-stack), estudantes, entusiastas ou curiosos.


Investimento

presencial:R$ 290,00

Fazendo sua inscrição presencial, você terá acesso a esta trilha e no mesmo dia também:
TDC Expo: Venha conversar com pessoas e conhecer empresas incríveis.
Trilha Carreiras: Você poderá assistir às palestras da trilha Carreiras do mesmo dia.
Trilha Stadium: Você poderá assistir às palestras da trilha Stadium do mesmo dia.


Palestrantes da Trilha JavaScript

Anderson Fernandes - Burnes
Anderson Fernandes - Burnes
Uniti Tecnologia de Informação / Vida de Programador
André Lins
André Lins
Softplan
Gustavo Oliveira
Gustavo Oliveira
Concrete Solutions
Mateus Rocha - Chinês
Mateus Rocha - Chinês
Grupo Gazin / Faculdade Alfa Umuarama
Victória Aiello
Victória Aiello
Isobar IWS Brazil
William Grasel
William Grasel
Itaú Unibanco

Patrocinadores

Diamond





Patrocinios e Apoios Trilha e Workshop


Atendimento Corporativo


Realização

Instituição Parceira